Tradutor: como otimizar suas pesquisas no Google

Atualizado: 19 de mai.


Todo tradutor sabe que a pesquisa é uma das partes principais do nosso trabalho, mas nem todo mundo conhece algumas maneiras simples de otimizar as pesquisas no Google, tornando-as mais eficazes e objetivas.


Por isso, fiz uma lista de algumas dicas e estratégias que uso para melhorar pesquisas no Google, que são particularmente úteis para tradutores. Esses recursos facilitam o trabalho de confirmação de terminologia, além de ajudar a encontrar embasamento para justificar minhas escolhas tradutórias.

  1. Como encontrar uma frase exata no Google

Muitas pessoas provavelmente já conhecem e usam essa estratégia de pesquisa no Google. No entanto, é uma das mais úteis, por isso ainda vale a pena mencionar. Para pesquisar uma frase exata, coloquea frase entre aspas e aperte enter ou clique em Pesquisa Google.


Exemplo: “dicas para tradutores”


Isso fornecerá apenas resultados que incluam essa frase, com as palavras nessa ordem. Sem as aspas, você obtém bons resultados relacionados, mas que não consideram a ordem das palavras, o que pode "poluir" os seus resultados. Talvez você chegue à mesma conclusão, só demore mais.

Essa estratégia pode ser útil, por exemplo, ao pesquisar termos específicos ou verificar se uma frase que você traduziu soa natural e é usada pelos nativos. Você também pode combinar várias frases na mesma pesquisa.


Exemplo: "idosos" "uso de transporte público" "são paulo"


Às vezes, o uso das aspas não será suficiente para encontrar exatamente o que você está procurando. Isso ocorre porque o Google otimiza os resultados de sua pesquisa de acordo com o que você já pesquisou antes, ou seja, resultados do Google são personalizados para cada pessoa. Aliás, se quiser saber quais informações suas o Google usa para personalizar anúncios e resultados, acesse adssettings.google.com e faça seu login.


Isso pode acabar resultando em descarte de certas palavras, correções ortográficas ou inclusão de sinônimos. Se quiser garantir que o Google pesquise exatamente o que você inseriu, faça uma pesquisa ao pé da letra, ou verbatim. Para fazer isso no Google em português, vá em Ferramentas, clique em "Todos os resultados" e depois clique em "Ao pé da letra".



Os resultados da pesquisa também podem ser influenciados por fatores como sua localização, dispositivo e histórico de pesquisas. Para minimizar essa influência, vá para Configurações e clique em Ocultar resultados particulares (você também pode definir isso como o padrão nas configurações de Pesquisa). Melhor ainda, você pode navegar no modo anônimo, como o modo Incognito do Chrome ou a navegação InPrivate do Edge. No entanto, esteja ciente de que, mesmo ao usar esses métodos, o Google ainda pode personalizar os resultados até certo ponto devido aos cookies. Existem maneiras de contornar isso se for um problema para você, mas seria assunto pra outro texto.

2. Encontrar uma palavra que falta na frase

Para encontrar uma palavra ou palavras que poderiam complementar em uma frase, use um asterisco para realizar uma pesquisa "wildcard" ou "coringa" Isso é especialmente útil para tradutores quando você não tem certeza sobre a combinação frequente, preferencial ou usual de determinadas palavras, o que chamamos de collocation ou colocação.

Bônus: Existe um recurso online gratuito para encontrar combinações frequentes de palavras chamado FreeCollocation.

Exemplo em inglês: “to * a coup”

Esta pesquisa mostra algumas combinações comuns com a palavra "coup" (golpe) em inglês, como: to lead a coup, to stage a coup, to attempt a coup.


O conhecimento de collocations é muito importante para tradutores, principalmente para quem faz tradução do português para idiomas estrangeiros, ou melhor, versão.

3. Pedir para o Google definir uma palavra

Para obter a definição de uma palavra, basta digitar define: seguido do termo que deseja definir. Isso pode ajudá-lo a verificar se está usando uma palavra corretamente, se ela é um falso cognato ou simplesmente um erro. Você também pode usar isso para encontrar sinônimos e palavras relacionadas.

Exemplo: define: perca

Ao ler a definição de "perca", você vai perceber que é uma flexão do verbo “perder” e não o substantivo do ato ou efeito de perder.

Exemplo em espanhol: definir: soledad

4. Remover os resultados que contêm um termo específico

Às vezes, a sua busca pode ser influenciada por resultados que não tem nada a ver com o contexto que você busca. Você pode excluir resultados relacionados a um termo específico usando o sinal de menos.


Isso pode ser útil para tradutores quando você tem um termo com vários significados que deseja consultar e deseja excluir resultados relacionados a um desses significados. Ou quando o termo que você procura é o nome de um filme, livro ou outra obra que não tem nenhuma ligação com o tema que você está traduzindo.

Exemplo: matrix -filme

Se clicar no link acima, vai ver que o Google forneceu todos os resultados para a palavra matrix sem conter o resultados relacionados ao filme Matrix, aquele do Neo.

5. Pesquisar dentro do conteúdo de um site

Você pode usar site: seguido de um endereço de site sem o www e, em seguida, seu termo de pesquisa para encontrar esse termo apenas dentro do site. Isso pode ser especialmente útil para tradutores se você não tiver um glossário para o trabalho em questão, mas o cliente possuir um site multilíngue.


Dessa forma, você pode pesquisar o termo no site do idioma de origem e, em seguida, alternar para a versão em seu idioma de destino para ver como o termo foi traduzido.


Exemplo: site: worldpackers.com/pt-BR “Programas de Voluntariado na Espanha” (não é preciso incluir https:// ou www.).


Esta pesquisa nos mostra as páginas onde a frase “Programas de Voluntariado na Espanha” se encontra no site em português. Quando mudamos para a versão em inglês do site, somos levados de volta à página inicial, mas podemos usar a localização encontrada na pesquisa para encontrar o termo e comparar. Assim, verificamos que o termo equivalente em inglês utilizado pela Worldpackers é "Volunteer Programs in Spain".

6. Visualizar a versão em cache de um site

Quando você pesquisa algo no Google, às vezes descobre que, ao clicar em um resultado de pesquisa, não consegue realmente encontrar o termo na página apresentada pelo mecanismo de pesquisa.


Isso geralmente ocorre porque a página foi atualizada desde a última vez que o Google a armazenou em cache. Você pode visualizar o cache mais recente de uma página digitando cache: seguido do endereço do site (novamente, não há necessidade de incluir http: // ou www.).

Normalmente, você consegue encontrar seu termo de pesquisa na página em cache. Isso também pode ajudar se um site estiver em manutenção.

7. Pesquisar imagens

Acesse images.google.com e clique no ícone de câmera.



Quando você adicionar sua figura/foto, o Google vai procurar coisas parecidas. Com isso, você pode encontrar sites que falam do tema ou objeto que você busca. Esse recurso me ajudou bastante com tradução técnica, pois às vezes os termos não são correspondentes entre inglês e português. Muitas vezes, precisamos pesquisar sobre um equipamento, e ele tem um nome totalmente diferente no outro idioma, às vezes porque o nome vem de uma denominação popular que foi incorporada como termo técnico.


Isso acontece muito quando traduzo textos de mecânica e engenharia, com nomes de peças ou tipos de parafusos, essas coisas.

8. Como garantir que sua pesquisa no Google vem de fontes confiáveis

Uma forma de garantir a confiabilidade das fontes é usar o Google Scholar, que retorna apenas resultados de literatura confiável. O Google Scholar é particularmente útil para tradutores especializados em áreas acadêmicas, como biologia, direito ou medicina.


Quando se trata de tradução técnica, eu prefiro usar o Google Scholar para encontrar artigos que justificam minhas escolhas de termos. Os clientes costumam gostar disso, quando eu mostro que minha escolha para uma tradução não veio do além!

9. Converter unidades no Google

Dependendo dos requisitos do cliente e do guia de estilo, você pode precisar converter unidades ou moedas ao traduzir. Você pode fazer isso no Google simplesmente digitando o que deseja converter, seguido por em ou para e a unidade para a qual deseja converter.

Exemplo: 1 EUR em BRL



Também pode ser um jeito prático de saber se as taxas pagas por uma agência do exterior valem a pena para você no momento.

10. Pesquisar uma série de números ou datas

O décimo item na minha lista de como otimizar pesquisas no Google é especial para tradutores na área de história, ciências sociais ou qualquer área do conhecimento que dependa da precisão de datas históricas!


Se você quiser pesquisar um intervalo de números, use dois pontos entre os números. Isso pode ser útil para pesquisar eventos entre certas datas, quando não sabemos a data exata.

Exemplo: canal construído na Bélgica 1500..1900

11. Pesquisar em sites com um domínio específico, geralmente de outros países

Você pode pesquisar em sites que têm apenas um determinado sufixo de domínio usando a função site: como já mencionei, seguida pelo sufixo de domínio do país.


Como tradutores, podemos usar esta função para verificar se uma determinada palavra ou frase é usada em um país específico. Também pode ser útil ao pesquisar termos que têm significados diferentes em países diferentes.


Exemplo: site:.es barcelona para Espanhol ou .com.br para Brasil, .de para Alemanha e por aí vai.

12. Filtrar resultados por data no Google

Se quiser filtrar seus resultados pela data de publicação, você pode fazer isso clicando em Ferramentas e, em seguida, escolhendo um período ou definindo um intervalo personalizado. Isso pode ser útil para tradutores que trabalham em áreas que mudam muito rápido, como tecnologia e inovação e, portanto, precisam das informações mais recentes.



Você também pode definir um intervalo de datas personalizado (última opção do menu), ou digitar os comandos before: e after:. Eu prefiro usar o calendário, porque é mais fácil de visualizar e eu sempre me confundo com a troca de ordem das datas em cada país. Por exemplo, nos Estados Unidos usam mês-dia-ano, mas no Brasil usamos dia-mês-ano. Com o calendário, não tem confusão.

13. Comparar o uso de diferentes palavras ou frases

Você pode usar a estratégia das aspas que citei no início deste artigo para comparar os resultados de frases semelhantes e, assim, determinar qual é mais usada. Por exemplo, se você não tiver certeza se a colocação mais usada é “dicas de pesquisa para tradutores” ou “dicas de busca para tradutores”, você pode pesquisar ambos e comparar o número de resultados fornecidos para cada um.



Nesse caso, o número de resultados é semelhante para os dois termos, o que sugere que ambos os termos são aceitáveis. É claro que tudo vai depender do seu contexto. Tradução é extremamente dependente de contexto, mas você entendeu a ideia, né?


Usando esse recurso de comparação, você pode ver qual opção é usada com mais frequência. E é possível afunilar essa pesquisa adicionando outros termos fora das aspas, pesquisando em um site específico, excluindo resultados que contenham uma determinada palavra ou pesquisando em sites com um sufixo de país específico.


Outra forma de comparar o uso de uma determinada palavra ou frase é usando o Google Ngram Viewer, que é um mecanismo de busca que mapeia a frequência das palavras nos corpora do Google Books por ano.



Você pode usar o Google Ngram Viewer para comparar a frequência de termos diferentes, comparar a frequência do mesmo termo em corpora diferentes, como o corpus do inglês britânico e o corpus do inglês americano, ou ver a frequência dos termos dentro de um período específico. Além disso, ao contrário das pesquisas padrão do Google, o Google Ngram Viewer diferencia maiúsculas de minúsculas, por isso pode ser útil em situações em que você não tem certeza se deve capitalizar uma determinada palavra.


14. Ver diferentes fusos horários no Google

Essa não é bem uma dica de otimização de pesquisa do Google, é mais uma dica de produtividade para tradutores, mas tudo bem! Tradutores e todo tipo de freelancer costumam trabalhar com clientes de vários países, que obviamente tem fusos horários diferentes. Isso exige que a gente esteja sempre de olho para não perder prazos.


Uma maneira simples de verificar a hora em outro fuso horário é digitar o código de um fuso horário seguido de "em" ou "para", juntamente com o código do outro fuso. Você também pode pesquisar a hora em seguida por uma cidade ou país para mostrar a hora atual naquele local, como "hora em Bangladesh".

Exemplo: 9h EST para GMT

Pessoalmente, já configurei 3 relógios no meu computador e basta passar o mouse por cima do relógio no cantinho inferior direito da tela para ver a hora nos países com os quais eu estou trabalhando no momento. Isso muda a cada projeto, mas já é bem mais fácil assim.


Espero que essas dicas de pesquisa do Google para tradutores tenham sido úteis. Existem muitas outras dicas e estratégias por aí, mas selecionei aquelas que considero úteis e que já testei. Deixe um comentário se você tiver outras dicas de pesquisa para ajudar os colegas tradutores!

=====================================

Gostou dessas dicas? Confira o meu curso para tradutores iniciantes na Worldpackers. Eu fiz esse curso especialmente para viajantes que são fluentes em um segundo ou terceiro idioma e buscam alternativas de renda enquanto viajam. É um curso feito de viajante para viajante, com dicas de onde procurar trabalhos, como cobrar por uma tradução, entre outras coisas que aprendi sendo tradutora freelancer desde 2018.